MBL pede cassação de Belinati; deputado ligado ao movimento pode ser beneficiado | Jornal Plural
Clube Kotter
1 abr 2019 - 9h00

MBL pede cassação de Belinati; deputado ligado ao movimento pode ser beneficiado

Movimento diz que prefeito cometeu ato de improbidade ao aumentar o próprio salário

O Movimento Brasil Livre (MBL) de Londrina protocolou um pedido para a cassação do mandato do prefeito de Londrina, Marcelo Belinati (PP). O pedido inclui também a cassação do vice, João Mendonça, e de todos os secretários.

O pedido, segundo o movimento, que foi criado na época do impeachment de Dilma Rousseff, se baseia no fato de que Belinati aprovou mudanças salariais que beneficiaram o próprio prefeito e seu grupo. A alegação é de ato de improbidade administrativa.

O nome mais forte do MBL em Londrina é o do ex-vereador e atual deputado federal Filipe Barros (PSL), possível candidato à vaga de Belinati nas eleições do ano que vem.

Últimas Notícias