Clima esquentou! Discurso de Aliel Machado causa confusão na Câmara | Jornal Plural
25 abr 2019 - 22h34

Clima esquentou! Discurso de Aliel Machado causa confusão na Câmara

O discurso de Aliel irritou aos parlamentares governistas que desferiram xingamentos e tiraram o microfone do deputado.

O discurso do deputado federal Aliel Machado (PSB-PR) na sessão plenária da Câmara Federal na quarta-feira (24) quase provocou uma pancadaria generalizada. O parlamentar ponta-grossense falava sobre ação do ministro-chefe da Casa-Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), de destinar um extra de R$ 40 milhões em emendas para que cada deputado federal votasse a favor da reforma da Previdência. Essa distribuição seria válida até o ano de 2022, quando acaba a legislatura.

Adversários políticos não gostaram do teor do discurso de Aliel, que acabou interrompido aos gritos de “vagabundo”. O parlamentar citou em sua fala, uma reportagem da Folha de São Paulo sobre os valores oferecidos em emendas para os deputados. Conforme a matéria, essa proposta de Onyx, típica da velha política, teria sido feita na casa do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Atualmente, os congressistas têm direito a R$ 15,4 milhões em emendas. Com essa proposta do governo, seriam R$ 10 milhões extras por ano e esse valor pularia para R$ 25 milhões. Ainda não se sabe de qual fonte viria esse aumento para os deputados.

A fala de Aliel não foi bem aceita pelos governistas, que tiraram o microfone das mãos dele. Um dos parlamentares que gritou contra o paranaense em plenário, foi José Medeiros (Podemos-MT), que disse a seguinte frase: “não nos meça com sua régua”. Com a confusão, os microfones foram desligados e a sirene foi acionada para que os parlamentares recuperassem a postura.

Acompanhe o vídeo:

Últimas Notícias