Assembleia vai homenagear “presidente” da República de Curitiba | Jornal Plural
Clube Kotter
20 fev 2020 - 18h21

Assembleia vai homenagear “presidente” da República de Curitiba

Homenageada já chamou até o papa Francisco de comunista

Os deputados estaduais do Paraná sempre estão em busca de surpreender a população com suas ações. Muitas vezes as medidas não são lá republicanas. Vale lembrar a decisão de levar a votação de um projeto polêmico como a reforma previdenciária do estado para a Ópera de Arame para fugir à ira dos servidores, contrários à proposta, e atender o desejo do governador Ratinho.

Recentemente a CCJ também aprovou o título de cidadão honorário para Luciano Hang, polêmico dono da rede de lojas Havan, mesmo ele não atendendo aos quatro requisitos básicos para receber tal honraria.

Agora, a Alep resolveu “causar” novamente. A deputada Cantora Mara Lima indicou para ser homenageada durante a solenidade em alusão ao Dia Internacional da Mulher Karol Becker Trápaga, intitulada presidente da República de Curitiba no Paraná – movimento criado para defender as ações do ex-juiz Sergio Moro.

Trápaga e sua trupe já pegaram pesado com a imprensa, com adversários políticos do atual ministro da Justiça e de Jair Bolsonaro e até com o papa Francisco, a quem chamaram de comunista, apesar de não saberem o significado do rótulo.

A homenagem está marcada para a sessão de 9 de março.

Este texto é de responsabilidade do autor/da autora e não reflete necessariamente a opinião do Plural.

Últimas Notícias